Comunicado sobre o recurso a meios Autárquicos para fins Políticos

A Juventude Socialista de Évora vem manifestar a sua surpresa e desagrado com o recurso a meios de transporte pertencentes à Autarquia para a deslocação de elementos de determinada facção partidária a uma manifestação.

Num Concelho em que, constantemente, associações representativas dos seus munícipes têm que enfrentar diversos obstáculos para sequer pensar ter este tipo de meios ao seu dispor não nos podemos calar quando os meios pertencentes à Autarquia são utilizados para fins políticos.

Independentemente do momento que se atravesse, há que saber separar a responsabilidade autárquica das convicções políticas. Assim, uma Autarquia, não pode colocar ao dispor do partido que representa, meios que pertencem ao Município e que são pagos pelos seus Munícipes e não por qualquer Partido.

Mesmo nos casos em que o transporte seja requisitado e pago, o que é certo é que a diferença de tratamento se mantém. Não raros são os casos em que Associações Culturais são obrigadas a recorrer a meios de transporte próprios ou ao aluguer a terceiros porque o Município que vão representar não tem o transporte necessário disponível.

Lamentamos mais uma vez esta atitude na esperança que, em situações futuras, o actual Executivo Camarário tenha a capacidade de traçar a distinção entre os interesses do Partido e os interesses dos Munícipes que juraram representar.

Representar não é discriminar. Representar não é afastar.

Representar é ter como nosso Partido o nosso Concelho e não ter o nosso Concelho ao serviço de determinado partido.

Évora, 10 de Novembro de 2015

Secretariado Concelhio da JS Évora

Podes consultar aqui o Comunicado em PDF

Leia Mais

Rita Paias reeleita Presidente da Concelhia da JS Évora

Decorreram ontem as eleições concelhias da JS Évora, resultando numa vitória por unanimidade, da já Presidente da Concelhia, a camarada Rita Paias. Acompanha a Presidente, o camarada Diogo Estudante como Vice-Presidente. Nestas eleições, a estrutura conseguiu renovar em grande parte os seus órgãos, depois do grande flagelo que foi ver, diversos camaradas emigrarem por falta de condições laborais.

Conhece os órgãos concelhios recentemente eleitos.

Leia Mais

VamosPelaEsquerda_sld

Vamos pela Esquerda!

No próximo sábado, dia 9 de maio pelas 15h na Junta de Freguesia de Vimieiro (Concelho de Arraiolos), as Federações do Alentejo da Juventude Socialista estarão unidas para ajudar na elaboração do Compromisso Eleitoral da JS, o «Vamos pela Esquerda».

Numa reunião que será acompanhada por membros do Secretariado Nacional, as 3 Federações Alentejanas (Baixo Alentejo, Évora, Portalegre) irão debater e ajudar a construir aqueles que serão os principais pontos a serem defendidos pela Juventude Socialista nas próximas eleições legislativas não só a nível nacional mas também a nível regional, no nosso Alentejo.

Focando-se sobre 5 temas (Qualificações, Emancipação Jovem, Igualdade, Estado Social e Economia), esta sessão plenária dos jovens socialistas alentejanos irá acontecer na preparação de umas eleições que serão críticas para a definição do futuro que queremos para a nossa região e para o nosso país: Austeridade e Retrocesso Social ou Prosperidade e Avanço Social?

A Federação de Évora da Juventude Socialista convida todos a estarem presentes nesta sessão para construir e lutar pelo futuro que queremos e merecemos.

Leia Mais

js_foto_capa

JS Action Day em Évora

Decorreu no dia 7 de maio, o primeiro Action Day da JS. Ao longo de todo o dia, por todo o país, os Jovens Socialistas saíram e foram para a porta de escolas e universidades dar a conhecer a sua estrutura. Foi um dia passado ao lado dos jovens portugueses, discutindo, debatendo e mostrando a vida e a energia que só a Juventude Socialista tem.

No Distrito de Évora, este primeiro #jsactionday esteve em grande. De manhã à tarde, em 3 concelhos diferentes, Évora, Arraiolos e Estremoz, mostrámos aos jovens alentejanos quem somos e como queremos mudar o mundo.

Leia Mais

JS-Roteiro_Interioridade

Roteiro da Interioridade da Juventude Socialista

O Roteiro da Interioridade arranca este fim-de-semana nos distritos de Bragança e Guarda, percorrendo nas próximas semanas as áreas do território português mais marcadas pelo envelhecimento da população e pela desertificação do território.

Apresentando-se com o objectivo de lutar contra qualquer assunção de uma condição de inferioridade destes territórios, o Roteiro da Interioridade procura aprofundar o conhecimento da estrutura nacional das realidades locais e denunciar não só o encerramento de serviços públicos como também o abandono de comunidades.

Para a Juventude Socialista, o interior do país deve ser alvo de políticas de investimento por parte do Estado, por forma a potenciar o seu melhor contributo para o desenvolvimento do país. Temáticas como o emprego, a mobilidade, a agricultura e o empreendedorismo estarão em evidência durante as próximas semanas numa política de proximidade, dando seguimento à linha de acção que tem marcado a intervenção política da JS que, nos últimos anos tem promovido iniciativas idênticas, com roteiros no âmbito das consequências da austeridade, do ensino superior e do trabalho e precariedade.

Leia Mais